Policias da Rondesp prenderam homem em Eunápolis

Fugitivo do presídio de Eunápolis, Walison de Oliveira Santos Souza, de 26 anos, foi recapturado na madrugada desta sexta-feira (13), no bairro Alecrim II. 

[ads id="ads1"]

Durante o período em que esteve foragido, ele é acusado de cometer o crime de tráfico de drogas no estado do Tocantins. A Justiça do município de Taguatinga expediu um mandado de prisão contra o suspeito no ano passado.

Walison, que é conhecido como "Coisinha", foi localizado no interior da sua casa, no Caminho 23. No imóvel, a polícia apreendeu uma pistola calibre 25, com silenciador adaptado.

Policias militares da Rondesp conseguiram encontrar o acusado depois de abordar um homem em um bar na Rua da Linha, no bairro Juca Rosa. Ele, segundo a polícia, informou que havia uma arma na casa de Walison. 

[ads id="ads2"]

Os dois são suspeitos de integrar a mesma facção criminosa e investigados por envolvimento em homicídios em Eunápolis.

Walison foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo.

O acusado havia fugido do presídio em 2015. Não há informação sobre qual crime ele respondia. Três anos antes, ele também tentou fugir da unidade prisional, mas acabou detido pelos agentes.

PRISÃO EM PERÍODO ELEITORAL

A Lei Eleitoral não permite que eleitores sejam presos cinco dias antes da eleição e dois dias depois do pleito, com exceção de flagrante ou quem for alvo de sentença criminal por crime inafiançável. Apesar de o período estar vigente, Walison foi preso, pois seu título de eleitor está suspenso. A regra só é válida para cidadãos que estão em dia com a Justiça Eleitoral.