Traseira do Corolla ficou parcialmente destruída

Uma intensa perseguição terminou com a prisão de um motorista alcoolizado em Eunápolis, na tarde de domingo (27/09). Segundo a Polícia Rodoviária Federal, Ricardo Santana dos Santos, 40 anos, apresentava um dos maiores teores alcoólicos já registrados na Bahia.

Conforme a informação, a ação foi iniciada no km 717 da BR-101, nas imediações do bairro Gusmão. A PRF deu ordem de parada ao motorista, que dirigia um Corolla, durante uma blitz na "Operação Cavalo de Aço”. O suspeito desobedeceu ao comando e fugiu em alta velocidade.

[ads id="ads1"]

A perseguição, que contou com duas motos e um carro da PRF, percorreu diversas ruas do centro de Eunápolis. Segundo a informação, Ricardo quase atropelou diversas pessoas, inclusive cinco crianças que estavam em frente a um hospital. Ele teria jogado o carro em direção à moto da PRF durante as tentativas de abordagem e freado o veículo para que o carro da polícia batesse na traseira do Corolla, o que acabou danificando a viatura.

Garrafa vazia foi encontrada dentro do carro

O motorista foi preso na Rua das Flores, no bairro Urbis I. O resultado do teste do bafômetro dele foi de 1,39 mg/l, considerado um alto teor alcoólico, um dos maiores já registrados no estado. O licenciamento do carro também estava vencido. Dentro do veículo foi encontrada uma garrafa de cerveja vazia.

[ads id="ads2"]

Ricardo é promotor de vendas de uma distribuidora de bebidas alcoólicas. Ele foi autuado pelos crimes de alcoolemia, trafegar em alta velocidade, perigo para a vida ou saúde de outrem e dano ao patrimônio da União. A soma dos crimes não dá direito à fiança.