Veneno causa hemorragia e necrose dos membros afetados

Uma cobra da espécie jararaca foi resgatada próxima à praia de Itacimirim, Orla Norte de Porto Seguro, na manhã de segunda-feira (21).

Segundo a equipe de fiscalização da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, responsável pela ação de resgate, a serpente tinha cerca de um metro de comprimento. 

[ads id="ads1"]

O animal foi colocado em uma caixa e levado até uma área de mata, onde foi solto. A cobra não apresentava ferimentos.

Cobra animal foi levada até área de mata, onde foi solta

Conforme a informação, a peçonha (secreção venenosa) da jararaca possui substâncias que causam hemorragia e necrose dos membros afetados após a picada, podendo ser necessário, em casos graves, a amputação. 

[ads id="ads2"]

A espécie, que pode ser encontrada em oito estados brasileiros, é muito agressiva e sua cor amarronzada a torna difícil de perceber no ambiente, pois provoca um efeito de camuflagem.