Um campeonato de pipas organizado pelas redes sociais tomou conta de um terreno ao lado do Estádio Araújão, em Eunápolis, na tarde de domingo (19).

A aglomeração de mais de 200 jovens sem máscaras, em meio à pandemia de coronavírus, causou revolta em moradores do bairro Antares.

Além disso, os participantes utilizavam linhas com cerol e linhas chilenas para empinar as pipas. A prática coloca em risco a vida e a saúde dos moradores, pedestres, ciclistas e motociclistas que trafegam pelo local, pois as linhas têm grande potencial cortante.

Segundo a comunidade, muitas pessoas chegavam a invadir casas, atrás das pipas “cortadas” no ar, danificando telhados e portões.

A Polícia Civil esteve no local e apreendeu dezenas de pipas, linhas chilenas, cerol e uma pequena quantidade de maconha.

Também foram apreendidos dois adolescentes de 14 anos, que utilizavam uma motocicleta para fazer manobras arriscadas no meio do público.