40 novos leitos dedicados ao atendimento de pacientes com coronavírus (Covid-19), sendo a metade de Terapia Intensiva, foram abertos nesta sexta-feira (10), na cidade de Eunápolis.

Segundo o prefeito Robério Oliveira, Hospital de Atendimento à Covid-19 começa a funcionar a partir da próxima segunda-feira (13/07).

No fim da manhã, o prefeito acompanhou o secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas, na vistoria à unidade. No prédio, funcionava o antigo Hospital das Clínicas, que foi requisitado administrativamente pelo município.

"A gente tentou contratar hospitais que já estivessem funcionamento, mas não deu certo. E vimos este hospital, que estava fechado. O município não pestanejou e rapidamente fez a sua requisição administrativa. O município aportou recursos. O que não pode o governo do estado complementou. O hospital está pronto. Os profissionais estão sendo contratados pela organização social e a partir de segunda-feira abriremos as portas, já atendendo as pessoas acometidas pela Covid-19. Serão em torno de 200 funcionários", afirmou o prefeito.


Com investimento total superior a R$ 8 milhões, numa parceria do governo estadual e da prefeitura de Eunápolis, os leitos fortalecerão a rede assistencial na região. Esse montante refere-se ao período de vigência total do contrato, que é de seis meses. Atualmente, a ocupação dos leitos na região é de 83%.

"Esta unidade hospitalar se encontra em excepcional estado. É um dos bons equipamentos de combate que nós vamos colocar em atividade. Ele vai contribuir com 20 leitos de terapia intensiva e 20 leitos de enfermaria, que irão atender não apenas munícipes de Eunápolis, mas pessoas de outras cidades", frisa o secretário Fábio Vilas-Boas.

O secretário de saúde reforçou que a taxa de crescimento de casos ativos da Covid-19 aumentou drasticamente na Bahia após os festejos juninos, com destaque negativo para a curva ascendente no interior.


"É um desafio que completa quatro meses. Nós percebemos um claro movimento de interiorização da doença, não pela redução do número de casos na capital, mas pelo crescimento do número de casos no interior. Salvador representa hoje 44% do número de casos, já foi de 66%”, disse Vilas-Boas.

Conforme o último boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde, divulgada na noite de quinta-feira (09), 887 pessoas já foram infectadas pela Covid-19 em Eunápolis. Houve 22 mortes.


"Nós reabrimos, depois de algum tempo o comércio, que está correspondendo, dentro do que foi acordado, com as proteções necessárias, álcool em gel, máscara, distanciamento. E estamos enfenando também os desafios das feiras livres, que tem aglomerações", finalizou o prefeito.

O Hospital de campanha de Eunápolis passará agora por desinfecção para iniciar o seu funcionamento na próxima semana.