A população de Caraíva, litoral sul de Porto Seguro, está se mobilizando nas redes sociais para conscientizar os visitantes sobre a situação da vila diante da pandemia do coronavírus.

De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura de Porto Seguro nesta segunda-feira (22), Nova Caraíva tem dois casos de Covid-19 confirmados. 

Além de abrigar o porto de embarcações que saem para a parte agitada da vila, o local é endereço da maioria das pessoas que trabalham na faixa turística da região.

A mensagem que circula nas redes sociais de moradores e empresários de Caraíva destaca a ausência de estrutura hospitalar, médicos, ambulâncias e barreira sanitária no local e pede providências da prefeitura.

“Somos Caraíva, somos nativos, somos moradores, somos indígenas. Cuidamos dessa terra, dos nossos familiares e amigos. Defendemos um turismo responsável e ecológico e estamos há 90 dias fechados e enfrentando sozinhos uma crise mundial. Nossa comunidade se uniu em ações para diminuir o contágio e a fome, mas, ainda assim, a Covid-19 chegou e estamos agora, mais do que nunca, precisando de apoio da Prefeitura de Porto Seguro. Precisamos de barreira sanitária, médicos presentes, testes e EPIS [equipamentos de proteção individual]”, diz a nota.