Imperícia na condução de uma moto pode ter causado a morte do trabalhador rural Gerson Cruz Alves, 58 anos, na noite de sábado (02).

Segundo a polícia, Gerson não tinha Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e conduzia a moto do filho pela Estrada do Ponto Maneca, zona rural de Eunápolis, quando sofreu uma queda.

A polícia técnica constatou que todas as circunstâncias  apontam para uma fatalidade, pois no local não havia  qualquer indício de crime.

O corpo foi encaminhado para necropsia no Instituto Médico Legal. O enterro está previsto para este domingo (03).

WhatsApp do RADAR 64: 
(73) 98844-0216. 
Adicione nosso número e envie vídeo, foto ou apenas o seu relato.
Sua sugestão será apurada por um repórter. Participe!