Após ser contemplado com o equipamento RT-PCR para realizar testes da Covid-19, uma parceria do Governo do estado com a Prefeitura Municipal, o LACEN, LMRR -Laboratório Municipal de Referência Regional de Porto Seguro, sediou treinamento voltado aos profissionais responsáveis por analisar as amostras coletadas, processadas, a fim de dinamizar os resultados dos exames, em tempo real, sejam casos negativos ou positivos para o coronavírus.

A prefeita municipal, Cláudia Oliveira, reitera agradecimento ao contínuo envolvimento do governo estadual em atuar de modo integrado com a gestão de Porto Seguro, num tempo em que todos estão imbuídos em ampliar esforços no combate ao novo coranavírus.


"Agradeço todo apoio do governo da Bahia. Esse equipamento é um  método de referência no Brasil para a testagem da COVID-19, sendo, portanto, um grande avanço para a saúde pública em nossa cidade. Agradeço o trabalho diário de cada profissional de saúde, em todos os estabelecimentos do SUS, nessa luta contra a pandemia. Acredito na eficiência das equipes multidisciplinares, desde a atenção básica, vigilância em saúde, urgência e emergência e demais setores envolvidos, por não medirem esforços ao longo dos meses no enfrentamento a doença, com a execução de serviços estratégicos pelo bem estar da nossa população.", declara.

Facilitadores


O treinamento, ministrado pela assessora científica e assessor técnico da empresa PMH, responsável por fornecer os equipamentos contratados pelo governo do estado, abordou o funcionamento prático do equipamento, destacado pelas principais especificidades no manuseio para a identificação do genoma viral, ou seja, o material genético carregado pelos vírus da COVID-19.

Dinamismo nos resultados

Coordenado pela diretora do LMRR, Suelem Sandin Schaffner, o equipamento possui capacidade técnica para desenvolver análise de 6 pacientes, com tempo médio de 2 horas. O novo equipamento favorecerá as atividades laboratoriais, principalmente por reduzir o tempo resposta dos laudos em, no máximo, 48 horas.