A Polícia Militar apreendeu quarta-feira (06), em Belmonte, dois adolescentes de 17 anos, suspeitos de participação em um crime que chocou os moradores da cidade.

Os jovens, segundo a polícia, teriam amarrado, torturado e depois atirado várias vezes na cabeça do pedreiro Josafá Souza da Cruz, 39 anos. Eles ainda filmaram toda a ação e depois compartilharam o vídeo nas redes sociais

A vítima sobreviveu e está internada em estado grave no Hospital Luís Eduardo Magalhães, em Porto Seguro.

De acordo com a polícia, os adolescentes também são investigados por envolvimento em três assassinatos. Em um dos homicídios, um homem foi esquartejado, queimado e teve o corpo ocultado, conforme depoimento de uma testemunha.

Além disso, os adolescentes em conflito com a lei também fariam parte de uma facção criminosa, responsável por tráfico de drogas e de execução de rivais.