A Prosegur enviou a seguinte nota ao RADAR 64, a respeito da notícia “Justiça do Trabalho fecha empresa Prosegur na cidade de Eunápolis”, publicada na manhã desta sexta-feira (24).

Íntegra da nota:

A Prosegur confirma que foi notificada e está seguindo a determinação do poder Judiciário do fechamento de sua filial em Eunápolis (BA), conforme Ação Civil Pública movida pelo Ministério Público do Trabalho. Contudo, a empresa informa que segue discutindo judicialmente a decisão.

A empresa confirma que está cumprindo integralmente os protocolos do Ministério da Saúde e da OMS, com o afastamento dos colaboradores que foram diagnosticados com a Covid-19, oferecimento de toda a assistência e cuidados para eles e seus familiares.

Os demais funcionários da filial estão passando por avaliação médica e monitoramento constante e, quando necessário, são colocados em quarentena.